PLANO DE ENSINO

DISCIPLINA: Matemática Financeira I

CÓDIGO: MTM 5151

TOTAL DE HORAS-AULAS: 72

SEMESTRE: 2005/1

PROFESSOR: Fernando Guerra

EMENTA: Juros Simples. Desconto Simples. Equivalência de Capitais. Juros Composto. Desconto e Equivalência de Capitais. Rendas. Rendas Constantes e Rendas variadas.

OBJETIVOS: Dado o conteúdo programático, o aluno deverá ser capaz de identificar e solucionar problemas sobre juros e descontos simples, juros e descontos composto, rendas ou anuidades.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

UNIDADE I - JUROS SIMPLES

1.1. Juros Simples

1.1.1. Conceitos: juros simples; capital; taxa de juros

1.1.2. Cálculo de juros simples e montante

1.1.3. Método Hamburguês

UNIDADE 2 - DESCONTOS SIMPLES

2.2.1. Desconto simples racional

2.2.2. Desconto simples comercial

2.3.3. Taxa média e prazo médio

2.2.4. Desconto simples bancário

2.2.5. Taxa efetiva de juros "versus" taxa de desconto; cálculo da taxa efetiva de juros numa operação de desconto.

2.2.6. Equivalência de capitais

UNIDADE 3 - JUROS COMPOSTOS

3.3.1. Conceito: diferença entre os regimes de capitalização simples e composta.

3.3.2. Fórmula do montante

3.3.3. Taxas equivalentes; taxas efetiva e nominal

3.3.4. Períodos fracionários: convenção linear e exponencial

3.3.5. Equivalência de capitais

3.3.6. Juros compostos contínuo.

 

UNIDADE 4 - DESCONTOS COMPOSTOS

4.4.1. Conceito de desconto compostos racional e comercial

4.4.2. Fórmulas dos valores nominal e atual

4.4.3. Taxa efetiva de juros compostos "versus" taxa de desconto composto.

4.4.4. Equivalência de capitais

UNIDADE 5 - RENDAS OU ANUIDADES

  1. Conceitos: Rendas certas ou determinísticas

5.5.2. Classificação das rendas quanto a prazos, valor dos termos, formas de pagamento ou recebimento e periodicidade.

5.5.3. Modelo básico de rendas: periódicas, constantes, temporárias e pos-tecipadas. Cálculo do valor atual. Cálculo do montante

5.5.4. Modelos genéricos de rendas

Antecipadas. Diferidas. Perpétuas. Rendas Variáveis: em progressão aritmética crescente e decrescente, cálculo do montante a valor atual.

 

AVALIAÇÃO: Serão realizadas (três) avaliações obrigatórias durante o semestre Considerar-se-á aprovado o aluno que obtiver a média aritmética simples das três avaliações igual ou superior a 6 (seis).

AVALIAÇÃO FINAL: De acordo com o 2o do Art. 70 da Resolução n 17/CUn/97, o aluno com freqüência suficiente e média das avaliações do semestre entre 3,0 e 5,5, terá direito a uma nova avaliação, ao final do semestre, A nota final desse aluno será calculada através da média aritmética entre a média das avaliações parciais e a nota da nova avaliação, Art 71 3 da mesma resolução.

CRONOGRAMA:

Unidade 1 - 14 horas - aula

Unidade 2 - 12 horas - aula

Unidade 3 - 12 horas - aula

Unidade 4 - 10 horas - aula

Unidade 5 - 16 horas - aula

Avaliação: 08 horas - aula

Total: 72 horas - aula

METODOLOGIA: O conteúdo programático será desenvolvido através de aulas expositivas e dialogadas, participação efetiva do aluno na construção e resolução de problemas - individualmente ou em grupo, em classe ou extra-classe, na carteira ou no quadro -.

BIBLIOGRAFIA

  1. ASSAF NETO, Alexandre. Matemática Financeira e suas Aplicações. São Paulo: Atlas. 1993.
  2. SAMANEZ, Carlos Patrício. Matemática Financeira - Aplicação à Análise de Investimentos. 2. ed. São Paulo: Makron Books. 1999.
  3. VIEIRA SOBRINHO, José Dutra. Matemática Financeira. 3. ed. São Paulo: Atlas. 1993.
  4. VERAS, Lilia Ladeira. Matemática Financeira. 2. ed. São Paulo: Atlas. 1989.
  5. MATHIAS, Washington Franco; GOMES, José Maria. Matemática Financeira. 2. ed. São Paulo: Atlas. 1993.
  6. GUERRA, Fernando. Matemática Financeira através da HP-12C. 2 ed. Florianópolis: UFSC, 2001.

Florianópolis, 17 de dezembro de 2004.

 

Prof. Fernando Guerra

Coordenador da Disciplina